Vanise Rezende - clique para ver seu perfil

A CULTURA DO AMOR FRATERNO

16 de abril de 2016


Hoje, viajei a ver o que dizem os nossos clássicos poetas e pensadores da modernidade, e as páginas encardidas das Escrituras de religiões mais antigas, sobre o amor pelo outro, por aquele diferente de mim. 

Quem sabe algum trecho nos ajude a rever os nossos dizeres cotidianos, os nossos pensares recônditos e, mais que   isso,   o    julgamento que por vezes se faz de alguém com quem se divide tarefas, e daquele que de algum modo depende de mim; ou mesmo de quem compartilha os meus ideais humanitários de fraternidade, de justiça, de igualdade e de paz. Vejamos:

Clarice Lispector - Sou como você me vê. / Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania / Depende de quando e como você me vê passar.

João Guimarães Rosa - Deus nos dá pessoas e coisas, / para aprendermos a alegria... / Depois, retoma coisas e pessoas / para ver se já somos capazes da alegria sozinhos... / Essa, a alegria que ele quer. (i)


Heleno Oliveira - Queres o sim que me arrancaste / As musas, meu destino de grão / Os dicionários não ensinam Teus caminhos / Resta-me  o  coração moído, a escutar Teus ais. (ii)

Sophia de Mello B. Andresen - (iii)  E de repente pareceu ao velho bispo que todo  o  abandono  do  mundo,  todo  o sofrimento, toda a solidão, o olhavam de frente no rosto daquele homem. Coisa difícil de olhar de frente. (p.94)

(...) E a caridade de que ele falava não era a conhecida e pacífica praxe  das comedidas esmolas regulamentares. Era um mandamento de Deus solene e rigoroso, uma palavra nua de Deus atravessando o espírito do homem. (p.57)

(...) Muitos anos passaram. O homem certamente morreu. Mas continua ao nosso lado. Pelas ruas. (p.161)

Agora, convido  vocês  a  abrir  uma  brecha sobre as janelas de religiões e de filosofias antigas,  ainda  presentes  na  vida  de milhares  de pessoas no mundo contemporâneo:

Budismo - Não ferir os outros para que depois não venhas a reencontrar-te ferido. (iv)

Confucianismo - O máximo da amável benevolência é: não fazer aos outros aquilo que não gostarias que eles fizessem contigo. (v)

Taoismo - Respeita a vitória do teu próximo como se fosse a tua, e a desgraça do teu próximo como se fosse a tua. (vi)

Induísmo - Este é o cerne do dever: não fazer aos outros, aquilo que lhe faria mal. (vii)

Islamismo - Nenhum de vós é verdadeiro crente se não desejar para o seu irmão aquilo que deseja para si mesmo. (viii)

Provérbio Ruandês - Aquilo que deres aos outros será dado a ti. (ix)






Antigo Testamento - Aquilo que é odioso para ti, não o faças ao teu semelhante.  Esta é toda a lei. (x)







Cristianismo - Tudo o que vocês desejam que os outros façam a vocês, façam também a eles. Pois nisso consistem a Lei e os Profetas. (xi)

Ubuntu – “Eu sou aquilo que tu és em mim”. (xii)


Concluo com uma singela percepção de Mario Quintana, quando afirma: 
"A arte de viver é simplesmente a arte de conviver... simplesmente, disse eu? Mas, como é difícil!" (xiii)




(i) As frases citadas de Clarice Lispector e Guimarães Rosa foram retiradas de: www.pensador.uol.com.br/frase; 




(ii)  Heleno Oliveira, poeta brasileiro - In: Oropa, França e Bahia (bilingue) - Edidizioni della Meridiana, Firenze - 2004, p.72.

(iii) Sophia de Mello Breyner Andersen, poetisa portuguesa - In:Contos Exemplares, Ed. Figueirinhas (Lisboa (PT), 15ª edição, 1985.

(iv) The Buddha Vadanararga – 5,18 – “O Budismo é um sistema filosófico e religioso indiano fundado por Siddharta Gautama (563-483 a.C.), o Buda, que parte da constatação do sofrimento como a condição fundamental de toda existência e afirma a possibilidade de superá-lo através da obtenção de um estado de bem-aventurança integral, o nirvana O budismo é uma religião que não professa a existência de nenhum deus”.

(V) Confucio, Analects 25,23 
Confucianismo –  “Designação atribuída no Ocidente às doutrinas e ao sistema de pensamento elaborado pelo filósofo e teórico político chinês K'ung ch'iu (tb. dito Khong-Fon-Tseu, K'ung-fu-tzu, K'ung-tzu ou, no Ocidente, Confúcio [551 a.C.- 479 a.C.]) e por seus continuadores [Foi doutrina política, religião e código de ética oficial do império chinês de 136 a.C. até 1912.]”.


(vi) Loo Tzu Tai Shang Kan Ying Phen – 213-218 –  O Taoismo da cultura chinesa, é uma “doutrina mística e filosófica formulada no sVI a.C. por Lao Tse e desenvolvida a partir de então por inúmeros epígonos, que enfatiza a integração do ser humano à realidade cósmica primordial, o tau, por meio de uma existência natural   espontânea e serena [Seu caráter contemplativo, na vida religiosa chinesa, é o principal rival do racionalismo pragmático que caracteriza o confucianismo.]”.




(vii) Mahabharata Islamismo (Maometanismo, Mulçumanismo) – diz-se de “religião caracterizada por monoteísmo estrito e síntese entre fé religiosa e organização sociopolítica, fundada pelo profeta árabe Maomé (570 ou 580-632), que codificou sua doutrina em um livro sagrado, o Corão, que se tornou o fundamento escrito da fé muçulmana”.



(viii) Provérbio Ruandês - Religião tradicional da República Ruandesa (Ruanda), país do Centro-Leste africano.

(ix) Ubuntu – Filosofia seguida por alguns povos africanos, prestigiada por Mandela e pelo cardeal Desmond Tutu;

(x) Maomé, 13º dos 40 Hadiths Nawawi – Ver "islamismo".
(xi) 31, Sabbat Ta Iaud Babilonese – O hebraico é a língua da família semítica falada pelos hebreus, na qual foi escrito quase todo o Velho Testamento (a Bíblia aceita pelo judaísmo); No século XIX, após transformações históricas, o hebraico ressurgiu com o movimento sionista e tornou-se língua oficial do Estado de Israel;

(xii)  Jesus Cristo, no Evangelho segundo Mateus, 7,12

(xiii)  Mário Quintana - www.pensador.uol.com.br/frase 

---------------------------------------

Crédito Imagens:

1. Imagem expressiva do Ubuntu - divulgação.
2. Clarice Lispector - www.lounge.obviousmag.org
3. Reunião budista - www.guanhuanmizong.info/esoteric-                                     cultuivation/guan_mizong_health_Sharma
4. Insígnia taoista - www.radionovaera.brasilia.wordpress.com/2015
5. Candelabro de outro hebraico.
6. Imagem bíblica cristã: o filho pródigo - www.imagens.bíblicas.com.br
7. Buda Vajradhara - fundador e principalBuda dos encinamentos tântricos. 
    In: www.santosmedita.org.br
8. Imagem Confucio - www.viatucuju.com

 Nota:  As  imagens  publicadas  neste  blog  pertencem  aos   seus autores.  Se alguém possui os direitos de uma delas, e deseja que  seja removida  deste  espaço,  por favor entre em contato com: vrblog@hotmail.com 

Posts + Lidos

Desenho de AlternativoBrasil e-studio