Vanise Rezende - clique para ver seu perfil

PERFIL DA AUTORA





Vanise 
     Rezende

Fez Comunicação e Jornalismo na Università degli Studi Sociali Roma. Estudou Documentação e Direitos Humanos no Idoc-Internazionale – Roma. 

Como jornalista, trabalhou na Rádio Vaticana e no Serviço de Imprensa do Consílio Vaticanho II. 

O escritor José Carneiro de Souza, autor de “A Baraúna”, escreveu no site "Custódia", sobre Vanise Rezende: 

"Sua escrita é, ao mesmo tempo, prosa e poesia. Seu estilo é leve e suave como a brisa. Sua linguagem, harmoniosa e poética, encanta e fascina. Sua palavra, com força e peso desperta e convence. Além disso, como ela mesma confessa, escreve porque gosta de brincar de escrever. E, se brincar já é bom, avalie gostar de brincar de escrever."

No Concurso nacional Sarau Brasil/2016, da Editora Vivara, seu soneto: “As dores do mundo” foi classificado em 7º lugar. 

Em março de 2018, a autora obteve o 1º lugar, no I Concurso de Literatura da Mulher Idosa, promovido pela Secretaria Estadual da Mulher – em parceria com: Ufpe, Cepe, Fundarpe e Academia Pernambucana de Letras, com o conto: "A surpreendente Clarice". Em julho/2018 lançará um livro de ficção e poesias, intitulado: "Acasos e Silêncios". 

Os movimentos da Ação Católica e dos Focolares tiveram uma forte influência na sua formação humana. Seu percurso profissional abrange diferentes áreas de atuação. 

Durante 13 anos foi secretária da Cnbb-NE II – presidida por Dom Hélder Câmara e Dom José Maria Pires. Com o apoio da CNBB, fundou o Sedipo – Serviço de Informação Popular, para atender às organizações populares do Nordeste no período da ditadura militar. O Sedipo fez parte da rede Iredal – Inovaciones y redes para el desarollo de America Latina. 

No período 1988/’95 dirigiu o Cenap – organização civil de assessoria à educação popular. De 1996/’99 assessorou a presidência da Emater-PE, e escreveu 10 cartilhas ilustradas para trabalhadores rurais, sobre o enfrentamento das emergências da seca. 

Prestou consultoria de planejamento a diversas instituições. Entre essas: UFPE –Cursos de Biologia e Medicina; Diaconia – projetos institucionais; Tearfund – projetos no Brasil; IICA – Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura – Barragem de Itaparica; MPPE – Ministério Público de Pernambuco - presidência; Secretarias de Educação de Alagoas e da Prefeitura do Recife;  AMA – Associação Mundo Unido – avaliação do projeto Branquinha, em Alagoas. 

Em 2004, tornou-se consultora do Mec/Unesco, atuando no Programa Escola Aberta, em 22 Secretarias de Educação da Região Metropolitana do Recife. Aposentou-se  em 2008. A partir de então, dedica-se a escrever.


Site: www.vaniserezende.com.br





Posts + Lidos

Desenho de AlternativoBrasil e-studio