Vanise Rezende - clique para ver seu perfil

PROPÓSITOS DE ANO NOVO

2 de janeiro de 2015



Quem já refletiu sobre o ano que se foi, e se prometeu recomeçar com atitudes mais alvissareiras, mas, quiçá por que, não começa a modificar-se agora, revestindo de novo um tempo interior que aponta no horizonte da vida?

Quem já não decidiu mil vezes endireitar as veredas de sua vida e aplainar sua paisagem encrespada e rude, a contrastar quase sempre com tudo o que está a sonhar agora?

Quem já não quis ser diferente de si mesmo, mais alegre e ousado, mais solto e participativo, mais confiante e disponível, mais aberto e colaborativo?      



                                                                                  



Quem já não lembrou, um dia, momentos de amor vividos – ou que ainda não viveu – entregue à sensação de alegria e dor, ao mesmo tempo, de plenitude e de vazio, de uma presença inteira ou da dolorosa percepção de solitude?

Quem já não sonhou uma amizade que fosse para sempre, sem que o amigo não vivesse tão distante, e sem que a vida não os separasse por algum dissabor?

Quem já não provou uma tamanha ausência de um amigo querido, ou a dor imensa da perda daqueles que se foram antes de si?

Quem já não desejou amar e ser amado e, no entanto, fica assim, imóvel, rastejando na vida, sem pensar que o amor só acontece quando se começa a amar?


Quem já não pensou em tantas coisas positivas a construir em sua vida, e, então, vê-se impelido a mudar algo nos seus relacionamentos, por lembrar  que  “no amor, o que vale é amar”? 

Quem já não viveu uma saudade sem tamanho de algo que nem sabe o quê, nem quando, feito um mel a lhe banhar inteiro do sabor e do cheiro de um bem-estar indizível, como quando o amor lhe foi correspondido, reciprocado, renascido? 

Quem não gostaria de provar, hoje, no profundo, desse amor natalino, desse amor divino e cálido, de um amor que te convida a revelar-te e a amar primeiro, recomeçando a cada instante, a cada dia, como se fosse sempre Natal: um tempo de carícia, de encontro e de perdão?


-----------------------------------------------------------------


Créditos Imagens

1 - Pôr do sol - Cabrera Dreaning - 2013
2 - Pintura de Maurício Arraes - www.pernambuco.com/foto-divulgação-pintor
3 - As Margaridas de Mário, Anita Malfatti o.s.t.


Nota: As imagens publicadas neste blog pertencem aos seus autores. Se alguém possui os direitos de uma dessas imagens e deseja que ela seja removida deste espaço, por favor entre em contato com: vrblog@hotmail.com

Posts + Lidos

Desenho de AlternativoBrasil e-studio